Cabeçalho 2

domingo, 9 de abril de 2017

Caso Bruno Borges - "Alquimista" do Acre

Devido ao caso do rapaz que após desaparecer teve um vídeo mostrando um quarto onde apareceram as paredes estão todas cheias de escritas estranhas, símbolos e uma estátua grande, muita gente acabou caindo de paraquedas no blog por causa do artigo sobre o Fullmetal Alchemist.

Eu pessoalmente achei bem misterioso o caso, mas por causa do sumiço do rapaz e devido a situação difícil da família eu preferi não fazer nenhum texto para não contribuir com o sensacionalismo. Mas eu fui conversando com algumas pessoas e logo algumas ideias e teorias foram surgindo. Conforme as entrevistas, reparei que a família tinha mais interesse em chamar a atenção do rapaz para que voltasse do que outra coisa e que no meio de tanta publicidade pro rapaz voltar, não faria mal eu escrever um texto.

Estátua Giordano Bruno


O que eu esperava que fosse uma oportunidade do povão difamar quem estuda ocultismo e afins, e um prato cheio para evangélicos e católicos que chamam tudo que eles não entendem ou pensam ser satanismo de "Ocultismo", acabou tomando um caminho que a maioria jamais ia acreditar, partindo do próprio site G1 do Acre que acabou promovendo o rapaz que fugiu de casa como uma pessoa super dotada devido a criptografia dos livros que o mesmo deixou, que segundo o pai teve 4 anos para escrever, e no último ano, nas palavras da mãe: "Ele me pediu um ano sem trabalhar para terminar e eu, orientada por um médico, deixei."

Não existe nada de misterioso na criptografia a única dificuldade é que poucas coisas estão públicas e quando aparecem estão em má qualidade, não é nada que precisaria do Robert Langdon para ser resolvido, o problema ia ser mesmo é se por exemplo, ele usasse um símbolo apenas para CH, outro símbolo apenas para SS, dois símbolos para letra A, a coisa toda fosse escrita sem espaço e tivesse que ser lido da direita para esquerda.

Sobre os alguns dos símbolos no quarto, mais especificamente os em volta e sob a estátua, existem duas teorias e uma certeza:

A primeira teoria é que ele usou os símbolos da "maneira dele". Quando você escreve Alquimia no Google Imagens uma das primeiras imagens é a do Círculo de Transmutação Humana do Anime Fullmetal Alchemist, e diversas versões do símbolo aparecem enquanto você vai descendo a página, na verdade ele é o símbolo que mais aparece. Eu sei que o algoritmo do Google muda constantemente, mas eu me recordo de já ter procurado imagens com esse termo e vi a mesma imagem. Logo um leigo, alguém que não perdeu uma hora pesquisando sobre alquimia, vai pensar que aquele símbolo representa a Alquimia e por isso colocou lá, talvez pra ele, signifique alquimia ou algo assim. Teve gente falando que o símbolo é uma variação de símbolos encontrados no Ars Memoriae do Giordano Bruno, porém, é só forçação de barra, não tem nada parecido lá, então basicamente ele deve ter pego o símbolo no Google pois achou que era uma imagem que sintetizava a alquimia ou algo assim, ou até mesmo por ser mais simples de desenhar. Não adianta falar que ele "bebeu da mesma fonte" da autora de FMA, não tem nada disso, ele copiou do Google Imagens mesmo, e esse símbolo é exclusivo do anime, qualquer um que estuda um pouco do assunto não vai usar anime como referência.


Uma entrevista explica os símbolos do Reiki, falando que sua mãe era iniciada no método de cura energética e ele também, ainda assim é estranho utilizar os símbolos dessa forma, ainda mais em volta da estátua.


A segunda teoria é mais simples, ele apenas pesquisou símbolos na internet e simplesmente deixou lá para impressionar quem entrasse, especialmente seus pais, pois fica claro que a não aceitação deles foi o que gerou todos esses eventos.

E a única certeza é que ele não possui conhecimento profundo desses símbolos e provavelmente nem de simbologia, o que não tira o direito dele de colocar o que ele quiser no quarto, já que um símbolo pode ter um significado pessoal para ele e assim ele montou as coisas da forma dele, logo ele pode ter atribuído em valor ao símbolo e colocado os símbolos do Reiki para energizar o círculo.

Sobre os símbolos na parede, a maioria das formas geométricas desenhadas servem para dar sustento ao que ele escreve, da mesma forma que usamos diagramas, esses desenhos são feitos para explicar as teorias. Embora encontremos uns e outros símbolos aparentemente fora de contexto que são apenas desenhos geométricos que o povo new age atribuí significados esquisitos, tipo o "Cubo de Metraton", que de certo ele viu um significado que batia com algo que ele gostou ou atribuiu um significado e colou na parede.



O que sustenta as coisas que foram ditas até agora são as próprias traduções,que ao menos até agora, não apresentam nada que remeta aos símbolos, alquimia, ocultismo, cabala e nem hermetismo por hora! O que foi traduzido até agora tem cunho filosófico e só.

Mas será que Bruno Borges é mesmo reencarnação do Giordano Bruno, se ele é e sabe que tem que concluir sua obra, ele deveria ter as habilidades da sua vida passada não é?

Vamos comparar?
  • Giordano Bruno era conhecido por sua memória, decorava livros inteiros com grande facilidade, Bruno Borges não, se ele tivesse essa capacidade a família já teria dito e quem sabe ele por segurança teria todos os livros na sua mente, não precisando codificar os mesmos.
  • Giordano Bruno possuía conhecimento de ocultismo, magia, hermetismo, astronomia e alquimia, Bruno Borges não.
  • Giordano Bruno sabia ler hebraico e latim, Bruno Borges não.
  • Giordano Bruno estudava filosofia desde seus 15 aproximadamente, os pais de Bruno Borges deixaram claro numa das diversas entrevistas que ele só se interessou por filosofia faz 3 anos.
E claro, para os desavisados de plantão, sua vida passada não define sua aparência! O que define é um negócio chamado genética!
E cuidado com as "coincidências" das datas, algumas pessoas andaram vandalizando a página da Wikipédia do Giordano Bruno mudando a data de nascimento, data de morte, idade de morte e quantidade de obras, tudo pra se encaixar com a vida do Bruno Borges e o pessoal é claro caiu que nem pato.

O objetivo do texto não é desmerecer o Bruno Borges, afinal tudo que foi comentado aqui é resposta aos boatos, e acredito que os livros dele vão falar por si só e desmentir boa parte dos boatos que estão sendo lançados por aí.

O texto será atualizado conforme novas imagens forem disponibilizadas.

13 comentários :

  1. Excelente. Um lampejo de lucidez em meio a muito sensacionalismo.

    ResponderExcluir
  2. Saudações.

    Esclarecimentos concisos e observações pertinentes.

    Sobre o contexto geral, existem alguns pontos a serem observados, mas, dentre todos, ainda intriga a notoriedade que o caso está tendo, provocada pela imaginação duma mídia sedenta por audiência. Talvez o garoto seja apenas um entusiasta que está querendo provar devoção, copiando atitude de parte dos filósofos que se retiravam para pesquisarem, refletirem melhor sobre seus trabalhos. Talvez seja alguém que mentalmente tenha se deixado levar em cólera, restando esgotado com informações de absorção complicada. Pode ser qualquer hipótese, desde um rapaz com percepções divergentes ao senso comum, quando passa a ser tratado como certa anomalia, até alguém que precise de ajuda. Contudo, sendo tudo verdade, pouco importa se ele compreendeu os símbolos alquímicos, pois, para ele, aquelas informações serviram. Mesmo o círculo de transmutação de FMA pode ter revelado algo para ele que, para os demais, não passa de uma simples composição feita para um enredo de mangá/anime. Sobre a reencarnação, acredito que as coisas passaram do estado de fato para criação, pois uma estátua não indica nada além da inspiração de Bruno sobre alguém que ele acredita valer a pena estudar, seguir, respeitar etc. Nesta idade, realmente há um ímpeto para desvendar os mistérios do universo ou empreender grandes projetos, embora ambos necessitem amadurecimento. Isto não desmerece ou diminui a mensagem do rapaz, mas algo sobre a Grande Obra está errado. Caso tenha ele realmente desejado com tudo isso ganhar muito dinheiro, conforme alguns relatos, estará fadado ao fracasso. Este não é o segredo para a transformação do Chumbo em Ouro, muito menos para a fabricação do Elixir da Longevidade. Ao certo, não passará de um meme - e é o que mais parece até então. De toda forma, que Bruno logo esteja novamente junto aos seus familiares, ao menos, para contar sobre sua aventura e acalmar aqueles que estão preocupados com sua integridade.

    Enquirídio
    A Epítome Ontológica Universal
    www.enquiridio.org

    ResponderExcluir
  3. acredito que essa polemica tenha sido voltada para potencializar algum sigilo ou rito do kaos, é bem midiatico

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Duvido que ele saiba alguma coisa de sigilo.

      Excluir
    2. Qualquer um com internet consegue saber algo sobre sigilos

      Excluir
    3. Pode sim, mas duvido que ele fazia ideia do que era um sigilo a ponto de pesquisar, se soubesse e tivesse feito um sigilo, ele teria deixado o mesmo bem evidente, não precisaria esconder, ninguém ia colocar no Fantástico: "Menino do Acre é desmascarado, tudo era um golpe pra energizar um sigilo.", na parede só tem desenhos que você acha na internet e os mais diferentes são pra esquemas pra explicar as teorias dele.

      Mas resumindo, depois do símbolo do anime, os nomes os símbolos do Reiki escritos errados, e os textos bem superficiais, eu acho que pensar que ele orquestrou algo nesse nível seria superestimar ele demais.

      Excluir
  4. Penso que esse rapaz deve ter um problema familiar/emocional muito grande e por algum motivo não soube administrar muito bem. Começou a partir Para um lado "oculto" de forma inconsequente, sem pensar na gravidade do assunto, achando que teria pleno domínio da situação. Em resumo, não tenho boas esperanças quanto a ele.

    ResponderExcluir
  5. Caso você ainda esteja mantê do o blogue, a TV noticiou novidades no caso do rapaz do Acre. Investigações apontaram um amigo do rapaz que tem uma ligacao com um livro que estava prestes a ser lançado. Agora investigam o paradeiro dele, uma vez que esse amigo está cumprindo acordos estabelecidos entre ele e o desaparecido. Especula-se que esse sumiço tenha sido estratégia para vende e esses livros como um best Soler.
    Cá entre nós, não duvido da relação do rapaz com algo envolvendo magia, misticismo ou ufologia. Na verdade, ainda penso que ele fez algo fora de controle. Algo de forma inconsequente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, eu vi sim. Inclusive o pai dele já noticiou que o primeiro livro do Bruno Borges vai ser lançado. Só achei que lançar em "Ebook" é queimar dinheiro, a pirataria vai comer solta, o Bruno Borges mesmo devia estar imaginando um livro com capa de couro e letras em dourado.

      Eu ainda não acho que foi uma estratégia de marketing, pois se ele fosse esperto o bastante pra tramar tudo, ele não deixaria a história esfriar, teria aparecido enquanto o assunto tava em alta, e faria o povo comprar por os livros impulso.

      Mesmo todo mundo acusando o rapaz de marketeiro, inclusive a polícia, eu acho que foi algo que saiu do controle, ele só queria a atenção e ajuda financeira dos pais e por isso fez aquele negócio no quarto, isso é outra coisa que aponta de novo aos caso dos eBooks, ele queria fazer algo bem caro e a família não sacou que se ele quisesse ebooks, ele mesmo podia ter soltado na Amazon faz tempo.


      Mesmo os amigos comemorando que iam ficar milionários não prova que tudo passou de uma estratégia de marketing do Bruno. Se um amigo meu me chamasse pra editar um livro e falasse que em troca me dava uma parcela das vendas e algo do tipo ocorresse eu também ia estar entusiasmado com o lucro.

      Eu posso estar errado, se estiver e o interesse do Bruno for só marketing e grana, ele vai voltar o mais rápido o possível pra impedir que façam Ebooks.

      Excluir
  6. Não acho que é marketing. Acho que ele se achou com muito conhecimento sobre algo e viu que poderia "fazer" uma ação para atrair dinheiro com esse conhecimento. Acho que isso cai no fato da inconsequência da pessoa ler uma coisa aqui e outra ali sobre algo, adquirir um certo conhecimento, mas achar que pode se tornar uma celebridade mundial. Acho que você tem razão sobre o e-book, embora eu nunca tivesse pensado nisso sob esse prisma, uma vez que é moda, agora, pessoas lançarem e-book em lugares como Amazon justamente porque não conseguem publicar fisicamente em outro lugar.
    Mudando um pouco o fico, li (num site sobre bruxas) muitas críticas à magia do caos. Se entendi bem, o local disse que as pessoas não encaram com seriedade e brincam com sigilos os quais a pessoa indobua que muitos são ensinados de maneira errada ou duvidosa. Que tal fato não as faz praticantes de magia, e outras coisas assim. Acho que a intenção foi mostrar para as pessoas que uma devoção a magia deva ter seriedade. Mas o que você pensa sobre esses argumentos?
    É facil sobre bruxa achar o blogue no google, quando se digita "magia do caos".

    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que não faz sentido se preocupar com o modo que as pessoas praticam, é algo individual e pessoal e a forma que é praticada é problema da pessoa.
      Eu podia até me estender escrevendo, mas é isso, coisa errada e algumas vezes ridícula você encontra em todo canto e inclusive eu vejo muito mais gente se dizendo "bruxo(a)" fazendo cagada e coisa ridícula do que caoísta. Magia do Caos é um excelente sistema, não se deve medir o mesmo por causa de possíveis coisas desagradáveis que se pode ver no Facebook.

      Abs!

      Excluir

Olá! Obrigado por fazer seu comentário!
Saiba que todos os comentários são responsabilidade e opinião dos seus autores e não do site.
Por favor evite ao máximo colocar links de outros sites a não ser que seja necessário, também não faça propagandas do seu site ou blog aqui.